Assistência à SaúdeCovid19Notícias

Fundação Tiradentes entrega 10 leitos de UTI ao Hospital Santa Bárbara para atender policiais

Parceria com o hospital será de uso exclusivo/prioritário aos militares, pensionistas, dependes e outros agentes da Segurança Pública do Estado com Covid-19

A Fundação Tiradentes realiza a entrega de 10 leitos de UTI em apartamento humanizado e enfermaria para atendimento prioritário aos policiais militares no Hospital Santa Bárbara, a partir desta terça-feira, 06/04. A ação de extrema importância, diante do cenário de pandemia e da lotação nos hospitais em Goiás no mês de março, foi resultante de esforços da Polícia Militar e Fundação Tiradentes.

 

Hospital Santa Bárbara

Hospital Santa Bárbara

Dos 10 leitos entregues, 3 serão de uso exclusivo dos beneficiários da Fundação Tiradentes, enquanto os outros 7 são de uso preferencial, permanecendo disponíveis para ocupação do grupo prioritário por 48 horas. O grupo é composto por policiais militares, ativos ou veteranos, pensionistas e dependentes de policiais militares, familiares e outros agentes da Segurança Pública no Estado de Goiás. O Hospital Santa Barbará divulgará diariamente a quantidade de leitos disponíveis, ocupados e a previsão de liberação quando houver.

 

A Fundação também realizou a aquisição e disponibilização em cessão de uso de equipamentos para complementar a estrutura do hospital, que vai atender aos militares como ventiladores, monitores e software de monitoramento. O Santa Bárbara, que é acreditado ONA, uma das mais importantes certificações de qualidade na área de saúde no Brasil – que reconhece o trabalho de melhoria contínua implementado em todos os procedimentos do hospital -, começa a atender os militares já a partir desta semana. O hospital aceita todos os convênios, como Ipasgo, Unimed, entre outros.

 

A ação, capitaneada pelo Comando Geral com a execução da Fundação Tiradentes, vem para somar com a estrutura do Hospital da Polícia Militar – HPM, que já é ofertada à corporação para aumentar o suporte aos casos de Covid-19. “Gerar assistência ao policial militar é o compromisso essencial da Fundação Tiradentes e este é mais um passo que damos nesse sentido, principalmente diante de uma situação sanitária tão incerta e preocupante como a que vivemos com a pandemia”, afirma a Major Carita Celine, diretora administrativa da Fundação Tiradentes.

 

TAGS

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo